16 de maio de 2015

News TV, por Marcos Silvério - 16 Mai

> Notícias da TV, por MARCOS SILVÉRIO <


'Babilônia' cancela trama gay e recicla acidente


A crise no Ibope e a campanha de setores conservadores contra Babilônia fizeram mais uma vítima. A emissora abortou a trama gay que envolveria os personagens de Marcos Pasquim e Marcello Melo. Intérpretes de machões em produções anteriores, eles não terão mais um caso, como estava previsto na sinopse da novela das nove. O treinador Carlos Alberto, personagem de Pasquim, não será mais gay. Os autores de Babilônia criaram um argumento para justificar sua repulsa a mulheres. No lugar de atração por homens, entrará um trauma do passado.

Nos próximos capítulos, Carlos Alberto vai revelar que matou sua mulher em um acidente de automóvel. O treinador foi apresentado desde o início como um homem separado, com uma ex-mulher que viveria em outra cidade. Os autores de Babilônia chegaram a escrever um diálogo dele com Helô (Carla Salle) revelando que nunca saiu com um homem. A cena estava prevista para ir ao ar na última segunda-feira (4), mas foi anulada.

"Eu acho que eu sou gay. No começo, nem sabia direito, acho que eu era muito novo pra entender. Eu sempre tive curiosidade, atração, mas não podia! Eu era atleta, todo o mundo treinava junto e viajava. Pra ninguém desconfiar, eu fingia e disfarçava. Eu fui campeão olímpico, famoso, imagina se todos soubessem? Ia ser um escândalo! Você não sabe como eu fiquei aliviado quando conheci uma mulher que eu gostei, aí casei logo e tive filho. O mundo era diferente naquela época! Agora, não que seja fácil, mas as pessoas aceitam mais”, diria ele à garota de programa, que a esta altura teria se tornado sua amiga.

Por não aceitar sua homossexualidade, ele também se entregaria à bebida e viveria de pileque, sendo repreendido constantemente pelo filho homofóbico. Nada disso foi ao ar, e um novo ingrediente será acrescentado ao enredo do personagem. Na semana que vem, a filha de Regina, Júlia (Sabrina Nonata), vai se machucar no clube e ele precisará socorrer a criança. Sem alternativa, o treinador terá de dirigir o carro de um outro professor. Diante do volante, ele terá uma crise de pânico.


Acidente de outra novela - "Funcionário dá a chave, Carlos leva Júlia até o carro, a acomoda no banco de trás e coloca o cinto. Senta-se ao volante, tenso. Coloca a chave na ignição. Mas não liga o carro. Fica com a respiração curta, suando. Está tendo um ataque de pânico. Edição: utilizar imagem de arquivo de acidente de carro genérico de novela, pode ser de Clarice [Ana Beatriz Nogueira] em Insensato Coração [2011], com o tratamento estético desta novela. Fim do insert. Volta para Carlos, em pânico", orienta o roteiro assinado por Ricardo Linhares, Gilberto Braga e João Ximenes Braga.

Em seguida, trêmulo e pressionado por Regina, que chegará nesse momento ao local, ele sairá dirigindo o veículo. Júlia não sofrerá nada de grave. A menina vai torcer o pulso. Depois, já na casa da vendedora, Carlos Alberto será questionado por ela sobre o motivo do seu medo de dirigir e revelará em um impulso: "Eu matei minha mulher".

Regina dirá que o treinador não precisa contar nada. "Eu quero que você saiba. Foi um acidente horrível, eu estava dirigindo. Minha mulher morreu, a culpa foi minha, eu nunca vou me perdoar", desabafará ele. A mãe de Júlia vai tentar confortá-lo, lamentará a fatalidade. "Esse caso não é tão simples. Envolve outras coisas que eu descobri. Meu casamento naquela época. Foi uma fase difícil. E acabou assim. Depois disso eu nunca mais dirigi", dirá ele.

No capítulo de quarta-feira (13), Carlos Alberto vai falar da sua superação para o filho, todo orgulhoso de ter conseguido guiar e socorrer Júlia. "Agora que eu superei essa barreira, acho que encaro um volante de novo", comentará o treinador. "Pai, não é só isso que você tem que encarar. Desde que a mamãe morreu, você só pensa em trabalho. No máximo rola um golfe e a associação. Está na hora de descolar uma namorada", aconselhará Fred.

O novo destino de Carlos Alberto será mais uma alteração em Babilônia. Soma-se à de Alice (Sophie Charlotte), que não entrou para prostituição; à de Beatriz (Gloria Pires), agora uma mulher apaixonada e cada vez mais distante da ninfomaníaca da primeira semana da trama; à de Inês (Adriana Esteves), que era obcecada pela amiga e isso foi transformado em vingança; e aos cortes dos beijos e carinhos entre Teresa (Fernanda Montenegro) e Estela (Nathalia Timberg).  

Fonte: Notícias da TV


Record define a estreia de Xuxa


 Após a contratação mais alardeada pela Record desde Gugu, em 2009, Xuxa já tem data para estrear na emissora.

Seu programa, intitulado de "Xuxa Meneghel", será levado ao ar às segundas-feiras, ao vivo, a partir do dia 3 de agosto, e não às quartas, como era cogitado. Com informações da coluna Canal 1.

Às quartas, a loura enfrentaria os jogos de futebol na Globo, além de Ratinho no SBT, mas a Record não quer fazer alterações no programa de Gugu Liberato, que vem dando boa audiência.

Agora, Xuxa enfrentará os filmes da "Tela Quente", uma das maiores audiências da linha de shows da Globo, o "Programa do Ratinho" no SBT com seu "Show de Calouros" versão moderna e o "Máquina da Fama" na sequência, além do "CQC", na Band.

Xuxa foi anunciada em um grande evento no dia 5 de março e desde então vem formatando seu programa, que será rodado diretamente do Recnov, centro de novelas da Record no Rio.

O diretor da atração foi contratado junto à Globo e será Mariozinho Vaz.

A loira está muito animada, já que poderá fazer tudo o que sempre sonhou na nova casa.

Fonte: Na Telinha


Xuxa leva mais um do "Mais Você"


A apresentadora Xuxa tirou mais uma peça importante da Globo.

Depois de levar o diretor Mariozinho Vaz para seu programa na Record, que estreia em agosto, a loura também tirou Eduardo Gregório, um dos principais editores do matutino "Mais Você", de Ana Maria Braga, conforme antecipou a coluna Canal 1.

Ainda sobre Xuxa, seu programa na Record, intitulado de "Xuxa Meneghel", será levado ao ar às segundas-feiras, ao vivo, a partir do dia 3 de agosto, e não às quartas, como era cogitado.

Às quartas, a loura enfrentaria os jogos de futebol na Globo, além de Ratinho no SBT, mas a Record não quer fazer alterações no programa de Gugu Liberato, que vem dando boa audiência.

Agora, Xuxa disputará com os filmes da "Tela Quente", uma das maiores audiências da linha de shows da Globo, o "Programa do Ratinho" no SBT com seu "Show de Calouros" versão moderna e o "Máquina da Fama" na sequência, além do "CQC", na Band.

Fonte: Na Telinha


Vendedor de pastel emplaca abertura de "Paraisópolis"


Recém-estreada no horário das 19h da Globo, a novela "I Love Paraisópolis" não tem nenhum cantor conhecido ou superstar em sua abertura, muito pelo contrário.

Segundo o jornal O Globo, um morador da comunidade retratada na historia é quem escreveu e cantou a música da nova trama das 19h. Trata-se do vendedor de pastel e também cantor Victor Kreutz, que foi bem cara-de-pau para tentar emplacar sua canção entre as tocadas na novela.

Certo dia, produtores do folhetim selecionavam figurantes para as gravações, quando Victor chegou e disse que não queria aparecer atrás das estrelas. "Eles estavam fazendo testes para figurantes. Cada um tinha de subir num palco, olhar para a câmera e contar um pouco da sua história. Falei que tinha feito uma música e que queria colocá-la na novela. Não passei no teste para a figuração", diz Victor, que depois foi encaminhado para a produção musical da trama. Sua letra e música, chamada "A cara do Brasil", que fala da miscigenação do povo brasileiro, não só entrou para a trilha sonora como foi escolhida para embalar a abertura.

"Fiquei arrepiado da cabeça aos pés. Disseram que a música combinou com a abertura. As pessoas me abordaram para falar que gostaram, elas ficam felizes por mim. É uma conquista. Que artista não quer isso?", finaliza Victor, que além de vender pastel nas ruas da comunidade, canta em bares da região de Paraisópolis.

"I Love Paraisópolis" estreou com uma audiência de 29 pontos de Ibope na Grande São Paulo, e diversos elogios nas redes sociais.

Fonte: Na Telinha


Elizabeth Savala é reservada para novela de Walcyr


 A atriz Elizabeth Savala terminou de gravar "Alto Astral" na semana passada, mas já tem trabalho pela frente.

Trata-se da nova novela de Walcyr Carrasco para o horário das 18h em 2016, de acordo com publicação do jornal O Globo. Além dele, a atriz também voltará a fazer parceria com o diretor Jorge Fernando, o mesmo de "Alto Astral".

Savala tem longa parceria com Walcyr dentro da Globo, começando a ser escrita em 2001, com "A Padroeira", segunda novela de Carrasco na emissora.

Nos anos seguintes, uma sequência da parceria como "Chocolate com Pimenta" (2003), "Alma Gêmea" (2005), "Sete Pecados" (2007), "Caras & Bocas" (2009), "Morde & Assopra" (2011) e "Amor à Vida" (2013).

Até agora o único trabalho de Walcyr Carrasco na Globo que Elizabeth não atuou foi em "Gabriela" (2012). Mas também não estará em sua próxima novela, "Verdades Secretas".

Em tempo - O autor entregará esta semana os últimos capítulos de "Verdades Secretas", a próxima trama das 23h que estreia em julho.

E depois, aí sim, ele começará a trabalhar na novela das 18h, que tem o título provisório de "Cândido", baseado em obra de Voltaire.

Marco Nanini está cotado para integrar a produção, que começa em outubro.

Fonte: Na Telinha


Tiago Leifert deve deixar jornalismo na Globo


Apresentador e editor-chefe do "Globo Esporte" desde 2009, Tiago Leifert deverá muito em breve deixar o jornalismo e migrar definitivamente para o entretenimento.

Segundo informações do jornal Folha de S. Paulo, Leifert, que já comanda uma vez por ano o "The Voice Brasil", está praticamente certo no time de apresentadores do novo programa de variedades que a Globo prepara para ir ao ar nas manhãs de sábado.

Outros dois jornalistas que migraram para o entretenimento já estão confirmados nesta atração, que terá direção-geral de Boninho: Patrícia Poeta e Zeca Camargo.

Procurada, a assessoria de imprensa da Globo não nega a movimentação e diz apenas que "por enquanto não está nada fechado".

O novo programa matinal deve estrear no segundo semestre.

Fonte: Na Telinha


"Hipertensão" pode ser ressuscitado no "Caldeirão"


 Reality apresentado por Zeca Camargo em 2002, ganhando novas edições em 2010 e 2011, o "Hipertensão" pode voltar à programação da Globo, mas desta vez sob o comando de Luciano Huck.

A atração derrubou a audiência do canal em todas as edições exibidas e, embora não tivesse perdido a liderança, não se cogitou uma nova temporada com medo de que isso acontecesse.

No entanto, para comemorar os 15 anos do "Caldeirão do Huck", a possibilidade é real. De acordo com publicação do jornal O Globo, se aprovada a competição será gravada na Argentina.

Desde o final de abril, o programa de Huck ganhou 40 minutos no ar e agora entra na sequência do "Estrelas", de sua mulher Angélica, e marca entre 11 e 14 pontos de média.

Em tempo - O "Hipertensão" consistia em fazer os participantes se submeterem a provas diversas, como de resistência e comida, "degustando" pratos nojentos em relação a um cardápio "comum".

A atração foi apresentada por Zeca Camargo em 2002, mas nas duas edições posteriores foi substituído por Glenda Kozlowski.

Fonte: na Telinha


Globo lança álbum de figurinhas 50 anos


Os casais apaixonados, as vilãs inesquecíveis, os bordões que ganharam as ruas e outros elementos do universo ficcional das novelas da Globo deram origem a um livro ilustrado de figurinhas, que chega às bancas nesta quinta (14).

O livro, que é de responsabilidade da área de licenciamentos da emissora carioca, será lançado em parceria com a editora Panini. O álbum faz parte das comemorações dos 50 anos da Globo e resgata, em 400 figurinhas, os personagens e momentos mais marcantes da dramaturgia na casa, divididos em 14 temas diferentes.

O livro ilustrado será encartado nos principais jornais e revistas de celebridades do Brasil e também poderá ser comprado por R$ 6,90 nas bancas de jornais e livrarias. O pacote com cinco figurinhas terá preço de 1 real e algumas delas poderão ser especiais.

Para promover o álbum, a Globo convidou vários artistas de seu elenco para autografar diversas estampas que serão distribuídas pelo país.

Vídeos com os autógrafos das celebridades serão publicados no site oficial de entretenimento da Globo, e o álbum também será divulgado na programação da emissora com propagandas durante os seus programas.

Fonte: Na Telinha


Paloma Duarte pode voltar à Globo


Após quase 10 anos longe da Globo, Paloma Duarte pode voltar à emissora.

Segundo publicação do jornal O Globo, seu contrato com a Record vence no final de maio e, mesmo longe durante todo esse tempo, nunca deixou de ser admirada e querida pelos ex-colegas.

Livre, Paloma poderá dar expediente na próxima novela da Globo que vai suceder "I Love Paraisópolis", "Totalmente Demais", de Rosane Svartman e Paulo Halm.

Paloma engatou cinco novelas na Record desde 2006, como "Cidadão Brasileiro" (2006), "Luz do Sol" (2007), "Poder Paralelo" (2009), "Máscaras" (2012) e "Pecado Mortal" (2013).

Seu último trabalho na Globo foi em "Começar de Novo" (2004).

Fonte: na Telinha


Canal Viva fará minissérie sobre Janete Clair


Prestes a completar cinco anos, o canal Viva está preparando algumas novidades como comemoração ao longo do ano.

Uma delas, segundo o jornal Folha de S.Paulo, será uma minissérie em quatro episódios sobre a vida da novelista Janete Clair (1925-1983) para o segundo semestre.

Autora de 20 novelas, como "Irmãos Coragem", "Pecado Capital", "Selva de Pedra", "Pai Herói" e "O Astro", Janete completaria 90 anos em 2015.

A produção será da Conspiração Filmes e terá como base a biografia “Janete Clair - A Usineira de Sonhos”, de Artur Xexéo, que também será o responsável pelo roteiro da minissérie.

O canal Viva foi lançado no dia 18 de maio de 2010 pela Globosat e tem como premissa básica reprisar antigos sucessos da Rede Globo. Porém, de uns tempos pra cá também produz programas especiais, como novos episódios do "Sai de Baixo" e "Globo de Ouro".

Atualmente, é o décimo canal mais visto da TV paga.

Fonte: Na Telinha


Gravações de 'Dois Irmãos' exigem muito de Juliana Paes


As gravações da série "Dois Irmãos" não têm sido fáceis para Juliana Paes, que tem usado um aplique no cabelo para o trabalho. Segundo a colunista Flávia Muniz, do jornal "O Dia", a atriz tem saído do Projac, a central de produção da TV Globo no Rio de Janeiro, com vários hematomas nas pernas.

As manchas roxas são causadas pelas intensas cenas da série, dirigida por Luiz Fernando Carvalho, com muitas brigas e lágrimas. De acordo com a publicação, Juliana está tão focada e dedicada a esse novo trabalho que tem passado até nove horas por dia gravado e, por isso, vem desmarcando alguns compromissos.

Ainda sem data de estreia, a série "Dois Irmãos" é baseada no romance homônimo escrito por Milton Hatoum, lançada em 2000. A história gira em torno da tumultuada relação entre Yaqub e Omar, irmãos gêmeos de origem libanesa que vivem em Manaus, no Amazonas. Em janeiro deste ano, o elenco da nova atração da Globo viajou para o estado localizado no Norte do Brasil para gravar cenas na cidade de Itacoatiara.

Bárbara Evans - Cauã Reymond foi escalado para dar vida aos protagonistas gêmeos, após desistência de Wagner Moura. A série também vai marcar a estreia de Bárbara Evans como atriz, como noticiou Purepeople em primeira mão. Ela interpretará a jovem Lívia, que terá um romance tórrido com um dos irmãos gêmeos.

O romance, aliás, teria saltado da ficção para a vida real. Bárbara já foi flagrada saindo do carro de Cauã Reymond em atitude suspeita, mas vem negando o romance com o galã global. Segundo a revista "Contigo", no entanto, o relacionamento vem acontecendo, sim, e mais: a filha de Monique Evans estaria "apaixonadíssima" pelo ex-marido de Grazi Massafera.

Fonte: MSN


"Estrelas" estreia formato internacional


 Após a Globo lançar o "Estrelas" para todo o Brasil há duas semanas, o programa ganhará mais investimentos.

Angélica terá um quadro baseado num formato estadunidense, que consiste que um famoso tenha sua árvore genealógica pesquisada a fundo com o intuito de saber de onde veio.

A atração é o "Who do you think you are?", da NBC.

Miguel Falabella será o convidado da estreia, que acontecerá no final de maio, segundo o jornal O Globo.

Nele, os famosos vão poder conhecer melhor suas origens e se autodescobrir.

O "Estrelas" vai ao ar nos sábados a partir das 14h40.

Fonte: Na Telinha


Apresentadores brigam feio na Record


Os apresentadores do ‘Programa da Tarde’, Ticiane Pinheiro, 38, e Britto Junior, 52, tiveram uma briga feia com Marcelo Rezende, 63. O apresentador do ‘Cidade Alerta’ criticou no ar o falido quadro dos gordinhos e disse que seria melhor uma reprise da ‘Escrava Isaura’, irritando os colegas de emissora.

Segundo o colunista Flávio Ricco, Marcelo Rezende teria se irritado por receber o horário com baixa audiência e a briga entre os apresentadores foi tão grande que quase foi necessário chamar o bispo para ajudar a apartar a confusão.

Por conta do climão, a passagem do ‘Programa da Tarde’ para o ’Cidade Alerta’, que costumava acontecer sempre de forma festiva, com rasgação de seda entre os apresentadores, não existe mais.

Fonte: Yahoo


TV Cultura investe em música clássica


TV pública do Governo de São Paulo, mantida pela Fundação Padre Anchieta, a Cultura exibe vários programas educativos e outros considerados de nível elevado.

Seguindo essa máxima, a emissora investirá mais em música clássica. A começar por um programete de três minutos comandado pelo maestro João Maurício Galindo com a participação do personagem infantil Júlio, do "Cocoricó".

Segundo informações da coluna Outro Canal, a atração estreia em junho com inserções diárias na grade respondendo dúvidas e curiosidades como “qual a diferença entre orquestra sinfônica e filarmônica?”.

Além disso, a TV Cultura lançará no dia 31 de maio um programa dominical, ao meio-dia, com o regente Júlio Medaglia, que apresentará concertos de arquivo e gravações de novas peças mais populares.

Por fim, durante os quatro sábados de junho a emissora exibirá atrações noturnas com o maestro paulistano João Carlos Martins, que está completando 75 anos. Uma das edições será um documentário sobre a carreira de pianista do profissional.

Fonte: Na Telinha


'Sumiço' de Glória Vanique intriga telespectadores


O "sumiço" de Glória Vanique da apresentação do “Bom Dia SP”, da Globo, tem intrigado os telespectadores.

Todos os dias, principalmente no período da manhã - horário em que ela entrava no ar -, a emissora recebe dezenas de telefonemas de fãs da jornalista querendo saber por onde ela anda, segundo o “Notícias da TV”.

Glória está fora do ar desde o começo de abril. A princípio, ela teve de ser afastada por conta de uma crise de sinusite, que avançou para um quadro de pneumonia.

Logo após a licença médica, a jornalista emendou as férias e deverá retornar ao ar novamente na segunda semana de junho, depois do feriado de Corpus Christi.

Apesar do burburinho, vale destacar que, no último dia 29, Glória informou no Twitter que estava entrando em férias. Seu colega de bancada, Rodrigo Bocardi, informou ao vivo no telejornal que ela estava doente e, logo depois que iria curtir as férias.

Contudo, alguns fãs ainda não se conformaram e continuam perguntando por ela.

"Por onde anda a Glória Vanique? Saudade!", perguntou um telespectador. "Mais alguém aí sente uma falta absurda da Glória Vanique?!", quis saber outra seguidora.

Fonte: MSN


Record é condenada por ofender religiões afro-brasileiras


 O Grupo Record foi condenado na 25ª Vara Federal Cível de São Paulo, por conta de reportagens consideradas ofensivas contra as religiões afro-brasileiras.

O juiz Djalma Moreira deferiu o pedido feito pelo Ministério Público Federal (MPF), pelo Instituto Nacional de Tradição e Cultura Afro-Brasileira (INTECAB) e pelo Centro de Estudos das Relações de Trabalho e da Desigualdade (CEERT), que ajuizaram a ação civil pública contra a própria Rede Record, como também a antiga Rede Mulher, extinta em 2007, que deu lugar à Record News.

O MPF entrou com o pedido, alegando que as religiões afro-brasileiras vêm sofrendo constantes agressões em programas por elas veiculadas, o que é vedado pela Constituição Federal, que proíbe a demonização de religiões por outras. "Os fatos imputados na inicial estão comprovados e são, ademais, incontroversos", relatou o juiz em sua sentença.

A Record foi condenada a exibir oito programas (4 inéditos e 4 reprises) em cada uma das emissoras, mostrando uma espécie de direito de resposta para tais religiões, nos horários em que as reportagens deferidas como ofensivas foram ao ar - estes não divulgados pelo Diário Oficial da União.

Resta a dúvida sobre o caso da condenação da Rede Mulher. Como foi extinta, ainda não se sabe se a ordem irá para a Record News, sua sucessora.

A decisão cabe recurso no Supremo Tribunal Federal.

Fonte: Na Telinha


Filipe Pontes é contratado pela Record


 A Record contratou um humorista para fazer parte do time do "Hoje em Dia".

Filipe Pontes, que atuou no "Zorra Total" e é conhecido por suas imitações, integrará o elenco do matutino, se juntando à César Filho, Ana Hickmann, Renata Alves e aos demais profissionais da equipe.

Ele também participou algumas vezes do "Domingão do Faustão", "Altas Horas" e "Esquenta!".

O anúncio foi feito pela própria Ana. O "Hoje em Dia" vem passando por grandes reformulações em 2015, como a troca do trio de apresentadores e estreia de novos quadros para fazer frente ao "Encontro", de Fátima Bernardes, na Globo.

O reforço é anunciado num momento em que a RedeTV! se prepara para entrar nesse mercado de revista eletrônica no próximo dia 25 de maio com o "Melhor Pra Você".

A atração terá como apresentadores os ex-"Hoje em Dia" Celso Zucatelli, Edu Guedes e Mariana Leão.

Fonte: Na Telinha


Marcello Antony anda esquecido pela Globo


Enquanto muitos atores e atrizes emendam uma novela na outra, como Marina Ruy Barbosa e Chay Suede, outros são esquecidos pela Globo. É o caso de Marcello Antony. Ele está sem pisar nos estúdios do Projac desde janeiro do ano passado, quando terminou de gravar como o Eron de “Amor à Vida”. Em uma entrevista recente na TV, o galã, de 50 anos, disse que o público nas ruas fica perguntando a ele quando acontecerá a volta às novelas. O ator fica sem poder responder, já que não tem sido chamado para as produções da casa. Consta que a emissora não gostou muito das críticas que ele fez ao texto de Walcyr Carrasco à epoca de “Amor à Vida” e o colocou na temida geladeira. E como as próximas novelas das seis, sete e nove já estão praticamente escaladas, Antony só deve voltar ao ar em 2016… O ator está atualmente em cartaz em São Paulo com o espetáculo “Chaplin - O Musical”.

Fonte: Yahoo


Renata Ceribelli comenta a vida nos EUA


 A jornalista Renata Ceribelli, morando em Nova Iorque, concedeu entrevista à revista Contigo que chega às bancas nesta quarta (13), onde fala sobre o fim do casamento de nove anos com o advogado Gustavo Brigagão e a vida nos Estados Unidos.

"Eu nunca pensei tanto sobre minha vida. Ando tanto por esta cidade que fico refletindo sobre tudo. É uma pós-graduação. Um encontro pessoal importante aconteceu aqui, até por eu estar sozinha", disse.

Na entrevista, a correspondente do "Fantástico" citou ainda as diferenças entre homens brasileiros e estadunidenses. “Dizem que o brasileiro é mais atirado, mas não é bem assim. O jeito como chegam em você muda, mas não achei os americanos travados, como dizem. Inclusive, são tão animados quanto os brasileiros. Uma coisa é verdade: o homem daqui é mais educado, mais cavalheiro. Não é menino”, comparou.

Renata Ceribelli deixou a apresentação do "Fantástico" em 2013 para se tornar correspondente nos EUA e foi substituída por Renata Vasconcellos.

Mas Vasconcellos também saiu do "Show da Vida", no segundo semestre do ano passado, para assumir o lugar de Patrícia Poeta no "Jornal Nacional".

Poliana Abritta ficou no "Fantástico" ao lado de Tadeu Schmidt.

Fonte: Na Telinha


5 atores mirins que se transformaram em 'boys magia'

Eles fizeram sucesso quando eram crianças, cresceram e apareceram. Veja cinco atores mirins que deixaram de ser fofos para se transformarem em homens de tirar o fôlego.


Humberto Carrão - O ator estreou no extinto Bambuluá em 2001.Três anos depois, participou da temporada de maior sucesso de Malhação, que tinha como protagonistas Juliana Didone, Marjorie Estiano e Guilherme Berenguer. Humberto estourou mesmo em Cheias de Charme interpretando Elano. Em seguida, emplacou papeis de destaque em  Sangue Bom e Geração Brasil.


Jonatas Faro - O ator de 25 anos pouco lembra o garoto que atuou em Chiquititas. Jonatas ganhou fama mais pela beleza do que pelos personagens que interpretou em novelas como Insensato Coração ou Cheias de Charme. Recentemente, participou do quadro Saltibum do Caldeirão do Huck.


Kayky Brito - Outro ex-Chiquititas que cresceu e apareceu. Desde que saiu da novelinha do SBT, o ator emplacou na Globo, onde fez papeis de destaque em novelas como Chocolate com Pimenta e Alma Gêmea. Kayky esteve no elenco da recém-encerrada Alto Astral.


Pedro Malta - Destaque como o Lipe de Coração de Estudante, o ator esteve em duas novelas da Globo (Começar de Novo e Kubanakan) antes de se transferir para a Record, onde atuou em Caminhos do Coração e Vidas em Jogo. Desde 2011, não participou de nenhuma produção na TV.


Sergio Malheiros - Sucesso como o garoto Raí, de Da Cor do Pecado, o ator também passou um tempo na Record (de 2006 a 2011) até voltar para a Globo em 2012 para viver o Niltinho, de Cheias de Charma. Em seguida, participou de Sangue Bom e esteve em Alto Astral. Atualmente, é notícia por seu namoro com a colega Sophia Abrahão.

Fonte: Yahoo



"I Love Paraisópolis" repete fórmula consagrada


Estreou nesta segunda (11) na Globo, a nova novela das 19h intitulada de “I Love Paraisópolis”, escrita por Alcides Nogueira e Mário Teixeira.

O que se viu foi a tentativa de não sair daquilo que o telespectador passou a ter desde a estreia de “Alto Astral”. Uma história leve, com pontos cômicos a serem explorados e uma história de amor convencional.

Carioca, Bruna Marquezine (Marizete) se esforçou para ter um sotaque paulistano, mas ficou carregado demais. Já Caio Castro, interpretando o chefe da comunidade Grego, chamou atenção por sua maneira de falar, que por vezes beirava um personagem de programa humorístico.


Moça pobre e rapaz rico - História batida e contada inúmeras vezes em todos os cantos do planeta, “I Love Paraisópolis” traz à tona os encontros e desencontros dos protagonistas Mari e Benjamin (Maurício Destri), que vivem em mundos completamente diferentes, mas ao mesmo tempo, tão próximos. Benjamin já tem namorada, Margot (Maria Casadevall), uma moça que venceu na vida por ser uma arquiteta bem-sucedida, vinda de berço humilde, mas nem por isso deixa de ser sofisticada e elegante, além de bonita, é claro.

Coube à Letícia Spiller viver Soraya, a mãe de Benja, que promete uma série de conflitos interessantes se bem explorado, visto que o rapaz sente que foi jogado para escanteio durante boa parte da vida, já que sua progenitora optou por abrir mão de sua criação. Uma mulher rica, fútil, vazia, mas que se mostrou, hoje em dia, apaixonado por Benjamin. E ela ainda tem outros dois filhos.

O retorno de Valdirene - É inegável não comparar o novo papel de Tatá Werneck, Danda, ao seu último personagem, Valdirene, de “Amor à Vida” (2013). Ela é quem fez o contraponto do drama colocando uma pitada de humor no primeiro capítulo, e provavelmente continuará fazendo.

Tatá, aliás, não está sozinha. Alexandre Borges, mais uma vez, se mostrou pronto pra fazer o público rir com Jurandir. Completo 171, mas apaixonado pelas filhas, mulher e lar, ele promete ser um importante desafogo e ganhar brilho próprio e ser um dos pontos altos de “I Love Paraisópolis”.

Projeção - “I Love Paraisópolis” é um folhetim tradicional. Pobres, ricos, mocinhos e vilões bem definidos, como é o caso de Gabo (Henri Castelli), que não tem qualquer limite ou escrúpulos.

O quadro agora está mais favorável. Afinal, “Alto Astral” juntou os cacos deixados pelas antecessoras entregando uma boa história. Resta a “I Love Paraisópolis” seguir o fluxo, sem a intenção de inventar a roda ou querer inovar, porque como já ficou provado, não é o que o público quer ver.

Audiência - O primeiro capítulo de "I Love Paraisópolis" cravou 28 pontos de média e superou suas antecessoras no horário.

"Alto Astral" começou com 25 pontos e "Geração Brasil" teve 24 em sua estreia.

Cada ponto equivale a 198 mil telespectadores na Grande São Paulo.

Fonte: Na Telinha


Morre o ator Elias Gleizer aos 81 anos


Morreu neste sábado, dia 16, no hospital Copa D'Or, o ator Elias Gleizer. Ele estava internado desde quarta-feira, 6 de maio, após fraturar cinco costelas e perfurar o pulmão durante uma queda de escada rolante. A causa da morte oficial foi por conta das complicações, que levaram à falência circulatória por conta de bronco-pneumonia.

No dia 6, Gleizer havia saído apenas para ir ao dentista. O próprio dentista foi buscar o ator em sua casa, na Barra da Tijuca, para levá-lo ao consultório, dentro de uma galeria em Copacabana. Na subida pela escada rolante, Gleizer caiu, quebrando as costelas e perfurando o pulmão. Ele foi internado e atendido de imediato, mas logo começaram algumas complicações: ele pegou uma pneumonia e uma infecção hospitalar. O ator já havia saído da UTI para a semi-UTI, mas não resistiu.

Sua assessora de imprensa, Tatiane Zeitulian, havia conversado com ele por telefone nesta sexta-feira, dia 15, e ele havia dito que estava tudo bem, que não era para se preocupar, que logo logo ele iria para casa. O óbito pegou a todos de surpresa.

O enterro deve ser no Rio de Janeiro, a confirmar, mas com certeza, apenas a partir do domingo, por ele ser judeu. Sua única irmã, Rosa está vindo de São Paulo para o Rio de Janeiro para resolver as burocracias. Aos 81 anos, Gleizer nunca casou nem teve filhos.

O ator Bruno Gagliasso, que foi seu neto na novela Caminho das Índias, foi o primeiro a postar em seu perfil no Instagram uma foto do ator e a carinhosa mensagem: "Meu avô querido... Chegou a hora de descansar".

Entre 2011 e 2013, o ator havia sido internado por três vezes, devido a complicações de um problema renal crônico, e chegou aos 67 quilos - perdendo mais de 50 dos habituais 120. Ele estava com tudo controlado por diálise.

Em 56 anos de carreira, iniciada na TV Tupi, em 1959, Gleizer participou de mais de 50 novelas, sendo a última Boogie Oogie, em 2014. Seu tipo bonachão e seu jeito doce sempre renderam muitos personagens do mesmo estilo, incluindo 10 padres, e por isso o carinho da classe, como Bruno Gagliasso em lhe chamar eternamente de "avô".

Fonte: Época

____

Ficamos por aqui, de olho na telinha.

Twitter: @bysilver_br
Oferecimento:
Arte Final Gráfica (62) 3225-2847
Goiânia Hostel – Albergue – www.goianiahostel.com

-

11 de maio de 2015

News TV, por Marcos Silvério - 11 Mai

> Notícias da TV, por MARCOS SILVÉRIO <


Novela de João Emanuel Carneiro muda de nome


A próxima novela escrita por João Emanuel Carneiro ganhou título definitivo.

De acordo com a colunista Patrícia Kogut, a trama recebeu o nome de "A Regra do Jogo". Com isso, cai o título provisório até então, "Favela Chique".

Vale lembrar que "Babilônia", no ar às 21h, e "I Love Paraisópolis", que estreia na próxima segunda (11) às 19h30, são nomes de comunidades no Rio de Janeiro e São Paulo, respectivamente. Carneiro seria mais um a ter seu nome atrelado à elas.

Os workshops começaram ontem na sede da Globo, no Projac, e nem todas as equipes da novela recebem os textos. Tudo para que o menor número de informações possíveis vaze para a imprensa.

O elenco de "A Regra do Jogo" conta com nomes consagrados como Alexandre Nero, Vanessa Giácomo, Cauã Reymond e Giovanna Antonelli, além de Deborah Evelyn, Susana Vieira, José de Abreu, Marcos Caruso, Cacau Protásio, Marcello Novaes, Luiz Gustavo, Marcello Antony, Paula Burlamaqui, Marjorie Estiano, Mariana Ximenes, Carolina Dieckmann, Fernanda Souza, Juliano Cazarré, Tony Ramos, Eduardo Moscovis, Johnny Massaro, Alexandra Richter, Otávio Muller e Letícia Lima .

A última novela de João Emanuel Carneiro foi "Avenida Brasil", em 2012.

Fonte: Na Telinha


Benedito Ruy Barbosa escreve duas novelas


O sucesso de "O Rei do Gado" no "Vale a Pena Ver de Novo" mexeu de uma maneira muito positiva com Benedito Ruy Barbosa. Em relação ao seu trabalho, ele tem revelado a disposição de um iniciante.

A enorme repercussão alcançada, agora em sua terceira reprise, deu a ele um estímulo tão grande, a ponto de garantir aos familiares e amigos mais próximos que está começando outra novela "muito melhor que "O Rei do Gado"". Diz até que a história ele já tem inteira na cabeça. E colocou isso como objetivo de vida.

O único "problema", no entanto, é combinar com a Globo e arrumar um jeito de tornar possível o pagamento dessa promessa, isto porque ele já está envolvido em dois trabalhos ao mesmo tempo. Em parceria com a filha Edmara e o neto Bruno Barbosa, escreve a trama de "Velho Chico", já confirmada para a faixa das 18h da Globo no segundo semestre de 2016, e na outra ponta, com a filha Edilene e o neto Marcos Barbosa, trabalha na concepção de uma trama para as 21 horas. O Benedito sempre foi reconhecido como uma máquina de escrever novela.

Fonte: Flávio Ricco


Glória Perez voltará às novelas em 2016


 A autora Glória Perez vai voltar a escrever novelas em 2016.

Sucedendo "Babilônia", a Globo vai levar ao ar "A Regra do Jogo", de João Emanuel Carneiro, e posteriormente, "A Mais Forte", de Maria Adelaide Amaral.

Na sequência, será a nova novela de Glória Perez, em meados de 2016, segundo publicação de O Globo.

Glória escreveu grandes sucessos como "O Clone" (2001) e "Caminho das Índias" (2009). Sua última novela escrita foi "Salve Jorge" (2012), que teve a responsabilidade de suceder "Avenida Brasil".

Ela ainda roteirizou "Dupla Identidade" no ano passado, sucesso de crítica e público.

Fonte: Na Telinha


Marieta Severo volta às novelas como vilã


 A atriz Marieta Severo, após um hiato de 15 anos longe das novelas, por conta da Dona Nenê em "A Grande Família", volta na próxima trama das 23h, "Verdades Secretas", de Walcyr Carrasco.

Ela será uma ambiciosa dona de agência de modelos que não consegue prosperar e vai utilizar de métodos um tanto quanto duvidosos para que isso ocorra.

Vivendo Fanny, ela terá Reynaldo Gianecchini como um interesseiro amante e ela será como uma cafetã.

Seu último papel em novelas foi em "Laços de Família" (2000), onde contracenou justamente Gianecchini, com a personagem Alma, tia do galã.

"Verdades Secretas" tem previsão de estreia para julho.

Fonte: Na Telinha


Sérgio Guizé é reservado para nova novela


 Nem bem terminou "Alto Astral", e o protagonista Sérgio Guizé, que viveu Caíque na novela, já está reservado para a próxima trama das 18h de Walcyr Carrasco, que vai ao ar em 2016 na Globo.

Além dele, Débora Nascimento, que também esteve em "Alto Astral", é cotada para a novela e poderá fazer uma mocinha, de acordo com publicação em O Globo.

Antes, Walcyr escreve "Verdades Secretas" no horário das 23h com previsão de estreia para o segundo semestre.

A última novela de Carrasco às 18h foi "Alma Gêmea", em 2005, alcançando índices no Ibope digno de um folhetim das 21h.

Fonte: Na Telinha


TV Cultura confirma exibição de "Peppa Pig"


Maior sucesso da TV por assinatura no segmento infantil atualmente, o desenho "Peppa Pig" será exibido pela TV Cultura muito em breve.

Em comunicado enviado pela imprensa, a Cultura informa que adquiriu duas temporadas da animação, ou 104 episódios, já que cada uma conta com 52 produzidos.

Exibida no Brasil pelo canal Discovery Kids desde 2011, "Peppa Pig" tornou-se um fenômeno nos últimos anos, originando diversos produtos licenciados e sendo líder absoluto de audiência na TV paga no seu horário de exibição: de segunda a sexta, às 20h30.

Na TV Cultura, o nome do desenho será abreviado apenas para "Peppa", como ela já é conhecida popularmente. Ainda não há qualquer data e horário de estreia definidos, mas isso deve ser anunciado oportunamente.

"Peppa Pig" é produzido desde 2004, sendo originária da Inglaterra. A animação conta a história de Peppa, uma porquinha cor-de-rosa que vive com seu irmão George e seus pais Papai Pig e Mamãe Pig em uma cidade fictícia.

Atualmente, "Peppa" é exibida em mais de sessenta países e foi dublada para mais de oito idiomas.

Fonte: na Telinha


Pedro Bial faz sua primeira campanha publicitária


Conhecido por apresentar o "Big Brother Brasil" e o "Na Moral", ambos da Globo, Pedro Bial, depois de 13 anos no entretenimento, finalmente fez sua primeira propaganda.

A empresa escolhida por ele foi a Fiat, líder no mercado de vendas de automóveis. No filme, o jornalista tenta incentivar os brasileiros a comprarem carros mesmo com a crise econômica vivida pelo país.

"Carro no Brasil é um bem que você tem na garagem. Por isso, em momentos de economizar mais, como agora, escolha aquele que te dá mais segurança", ressalta o apresentador. Mesmo sendo do entretenimento desde 2002, quando assumiu o "BBB", Bial já tinha dado entrevistas dizendo que não fazer comerciais anteriormente foi uma escolha sua. Agora, parece ter mudado de ideia.

Vale ressaltar que jornalistas da Globo não são autorizados a fazer comerciais de TV, para não afetar sua credibilidade. Os âncoras só são liberados quando passam a serem subordinados do entretenimento.

Foi o caso também de Fátima Bernardes, que depois de assumir o seu "Encontro", virou uma das apresentadoras mais requisitadas para trabalhos publicitários.

Fonte: Na Telinha


Canal Viva anuncia exibição de "Chacrinha, O Musical"


Neste mês, o canal Viva, da Globosat, veiculará uma campanha para celebrar seu aniversário de cinco anos de criação, que ocorreu em 2010.

Em tom de humor, as peças publicitárias farão menções a alguns programas clássicos da Globo e que podem ser revistos na grade do canal Viva, como "Sai de Baixo", "Vale Tudo" e "Escolinha do Professor Raimundo". A campanha publicitária também será veiculada nas mídias impressa e exterior.

Ainda no clima do aniversário, o Viva também utilizará anúncios para divulgar a exibição do musical "Chacrinha, O Musical", que é uma reedição especial de um dos programas de auditório mais famosos da TV brasileira nos anos 70 e 80.

A atração, que irá ao ar a partir do dia 25 deste mês de maio, será exibida de segunda à sexta-feira às 20h30, sendo anunciada em diversas plataformas. O espetáculo é protagonizado por Stephan Necerssian e está em cartaz em São Paulo, sendo o grande sucesso da temporada.

Atualmente, o Viva está entre os dez canais mais vistos da TV paga brasileira, tendo novelas como "O Dono do Mundo" como o seu carro-chefe de audiência.

Fonte: Na Telinha


TV Cultura quer Arnaldo Jabor e Moacyr Franco


 A lacuna deixada por Antônio Abujamra com seu "Provocações" nas noites de terça-feira da TV Cultura já tem um candidato ao posto: Arnaldo Jabor.

Ele é o favorito para ocupar aquela faixa horária e seu nome é ventilado nos corredores da emissora.

A proposta é que ele faça um talk-show politizado e mais intelectual, conforme publicou a coluna Canal 1.

Além de Arnaldo, a emissora também almeja contar com Moacyr Franco em seu casting.

Moacyr não tem contrato com o SBT e recebe apenas cachê por suas participações com o Jeca Gay em "A Praça é Nossa".

Lá, Franco apresentaria uma atração semanal com música e humor, conciliando as duas emissoras.

Antônio Abujamra - O apresentador, ator e diretor Antônio Abujamra morreu no dia 28 de abril.

O corpo foi encontrado pelo filho, o músico André Abujamra, na casa onde o seu pai morava, em São Paulo.

Tinha 82 anos e comandava o "Provocações" desde 2000 na Cultura.

Fonte: na Telinha


Mariana Godoy estreia com sofá que foi de Hebe


Contratada no ano passado pela RedeTV! após mais de 20 anos de Globo, Mariana Godoy estreia seu programa nesta sexta-feira (08) na emissora paulista.

Após meses de formatação, o talk-show "Maria Godoy Entrevista" irá ao ar a partir das 23h15.

Nos estúdios da emissora em São Paulo, a apresentadora recebe a cada semana um convidado em evidência com o momento político, cultural e social do país, e mostra ao público uma faceta pouco conhecida de seu entrevistado, sem filtros e sem retoques.

"Pretendo entrevistar pessoas do nosso dia a dia, que tenham o que dizer e que façam algo pelo Brasil. Abordaremos todos os assuntos e espero ter uma linguagem bastante próxima das pessoas, para que todo mundo consiga entender, com um espaço para discussão, sem agressão. Até podemos criar polêmica, mas vamos ouvir a todos sobre os mais variados temas", explica a apresentadora, que além de comandar as entrevistas também fará reportagens nas ruas.

Apresentado ao vivo, o programa terá uma plateia de 20 pessoas, que poderá opinar e fazer perguntas. A atração também abrirá espaço para o telespectador interagir pelas redes sociais.

No palco, Mariana receberá seus entrevistados em um sofá que pertenceu a Hebe Camargo, em uma homenagem à apresentadora, já que a RedeTV! foi o último canal em que ela trabalhou - vale lembrar que a "Rainha da televisão brasileira" foi recontratada pelo SBT já muito debilitada e não chegou a reestrear, falecendo em setembro de 2012.

Os convidados que demorarem a aparecer no talk-show terão bonecos produzidos aos seus moldes, entrevistados pela jornalista. O programa ainda traz quadros que mostram por onde andam figuras que estiveram sob os holofotes da política e economia e que agora desapareceram. Recém-contratado pela RedeTV!, o jornalista Mauro Tagliaferri será o repórter especial da atração.

Franz Vacek, superintendente de Jornalismo e Esportes do canal, relembra como surgiu a ideia do projeto: "Quando eu sugeri um talk-show para a Mariana, ela estava em negociação avançada com outras emissoras para apresentar telejornais. No entanto, o coração dela bateu mais forte para fazer algo inédito em sua carreira. Mariana fez a escolha pelo novo. A partir daí criamos um formato para ela".

"A chegada de uma profissional respeitada como a Mariana foi bem acolhida na redação e, hoje, quem vê o elenco do jornalismo e esporte da Rede TV! percebe o crescimento. Cheguei de Paris em agosto do ano passado para sermos protagonistas na TV aberta. A emissora já está em um patamar diferenciado. Exijo qualidade e padrão", complementa Franz sobre o atual momento da RedeTV!.

Ari Borges é o diretor do "Mariana Godoy Entrevista".

Fonte: Na Telinha


"Mariana Godoy Entrevista" é ousado pra TV aberta


Estreou nesta sexta (8), o tão esperado talk-show de Mariana Godoy na RedeTV!, o "Mariana Godoy Entrevista".

Exibido semanalmente nas sextas, às 23h15, o programa estava cercado de expectativa, principalmente para se notar Mariana Godoy à frente de um projeto totalmente diferente do que já havia feito na carreira.

Já nesta estreia, Mariana deixou claro que a protagonista da atração não é ela, e sim os entrevistados. Direta, com perguntas pertinentes e interessantes, o talk-show é agradável e tem uma abordagem interessante e correta em reportagens. A pauta com Asa Branca, por exemplo, caberia em programas como "Domingo Show" e "Balanço Geral", mas com um tom totalmente exagerado e sensacionalista. Aqui não, o tom foi correto, com reportagem coerente e diferenciada.

Já o convidado mais esperado, o presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha, deu uma boa entrevista de 30 minutos. Também foram mostrados fotos de sua infância e até Eduardo tocando bateria, algo inusitado. Mesmo com tamanho tempo - metade do programa foi dedicado à entrevista do político -, a entrevista foi excelente.

Já Mariana Godoy se mostrou muito segura e excelentemente divertida na frente do programa. Brincou, foi séria quando precisou e não exagerou em nenhum momento. Nem parecia sua estreia em um talk-show. Ela aparentava apresentar a atração há bem mais tempo. Prova de que foi um acerto e tanto dar um programa do gênero para ela. Mauro Tagliaferri ainda aparace discreto, lendo tweets e realizando reportagens especiais. Seu VT sobre Asa Branca foi excelente e mostra o potencial deste profissional. Espero que ganhe mais espaço a cada semana.

"Mariana Godoy Entrevista" revela uma RedeTV! que poucos conhecem de verdade. Quem acompanha esta coluna aqui regularmente e me acompanha nas redes sociais, sabe o quanto tenho valorizado o trabalho do superintendente de jornalismo e esportes, Franz Vacek. O que Franz tem feito é valorizar a qualidade, que por consequência, deverá ter audiência mais para frente.

Mas isso é com calma, com trabalho, com planejamento e dedicação. O "Mariana Godoy Entrevista" é só a cereja deste bolo. Uma ousada cereja, considerando que é um programa de TV aberta, com jeito de TV fechada.

A audiência prévia - média de 0,6 ponto com pico de 1,5 - é a mesma conseguida pelo canal na semana passada. Ou seja, neste primeiro momento, o Ibope foi mantido. Espero que suba, mas espero, acima de tudo, que o programa mantenha sua qualidade ímpar. A estreia foi excelente e mostra que, quando quer, a TV aberta sabe trazer produtos de altíssima qualidade.

Fonte: Gabriel Vaquer, do Na Telinha


Fernando Rocha perde 18,6kg


Fernando Rocha, apresentador do "Bem Estar", da Globo, conseguiu vencer o desafio proposto pela atração de eliminar no mínimo 18 kg em dois meses.

Ele, que está de férias, publicou uma foto 18,6 kg mais magro e recebeu elogios dos fãs. "Você emagreceu mesmo hem? Está parecendo outra pessoa, parabéns", escreveu uma seguidora.
 
"Nossa como seu rosto ta fino... Magrelinho", escreveu outra seguidora. Uma fã foi mais além: "10 anos mais jovem!!!!".

Quando iniciou o projeto #AfinaRocha, Fernando estava com 110,9 kg. Com a dieta, chegou à marca de 92,3 kg em maio.

Apesar de ter cumprido a meta do projeto, o apresentador terá que manter o peso durante as férias. Ele voltará a comer alimentos proibidos nos dois meses do desafio, mas em pequenas quantidades.

Em tempo - No programa da última sexta-feira (1), Fernando revelou os desafios enfrentados todos os dias: "Não fiquei mal humorado e nem passei fome. Mas é claro que a vontade bate forte de vez em quando. Não é fácil evitar, todo mundo que faz dieta sabe que é muito difícil não dar nenhuma escorregadinha. Sem petisco, sem cerveja, sem comida mineira. Mas eu tô feliz com o tomatinho".

Fonte: Na Telinha


Rafinha Bastos detona Gentili no rádio


O humorista Rafinha Bastos foi o convidado desta quarta (6) do programa "Pânico no Rádio", exibido pela Jovem Pan FM.

Em entrevista para a trupe liderada por Emílio Surita, Rafinha falou sobre o fim do seu "Agora é Tarde" na Band e lamentou pelo fato da direção ter garantido em uma reunião que o talk-show não seria cancelado. Mas foi semanas depois.

Apesar disso, ele mostrou entender a situação: "Não é uma questão da Band. Eu tenho um carinho pelos caras. A televisão em si tá vivendo um momento complicado. Tá sendo um ano difícil e já tinham me avisado ano passado que ia ser complicado. A audiência tá caindo em todos os lugares, a crise tá complicada. A grana tá curta".

Rafinha Bastos também comentou sobre Danilo Gentili, apresentador do "The Noite", do SBT, e o criticou. Disse que o humorista está com um ego inflado e inseguro: "Ele está numa egotrip impressionante. É um cara extremamente inseguro, das vezes que eu ganhei da audiência, o que era raro, ele vinha, agredia, falava mal". Bastos revelou que a equipe do "Agora é Tarde", antes comandada por Gentili, também ficava chateada com as insinuações e disse que ele é movido pelo ódio por alguém: "Ser movido pelo ódio não te ajuda em nada, nada, nada. E isso mobiliza muito ele. E ele precisa odiar alguém, conheço ele".

Rafinha foi ao programa para promover o seu mais novo show de stand-up comedy, o "Péssima Influência", que já está disponível na íntegra em seu canal no YouTube. "Não é tanto pela grana, mas pela oportunidade do público te linkar. Existem plataformas alternativas que eu sempre quis investir", disse Rafinha, que também frisou que não tem tanta pressa para volta à televisão, mesmo seguindo como contratado da Band.

Fonte: Na Telinha


Guilherme Fontes garante que "Chatô" sairá este ano


O ator e diretor de cinema e TV, Guilherme Fontes, anunciou nesta última sexta (8) que o filme "Chatô, o Rei do Brasil" será lançado ainda no primeiro semestre deste ano.

De acordo com o jornal O Estado de São Paulo, o longa, que começou a ser rodado ainda no fim dos anos 90 e teve orçamento de R$ 12 milhões, terá uma primeira sessão exclusiva para o elenco.

"Estamos fechando as negociações para o lançamento. O plano é dispor de 150 a 300 cópias nos principais mercados já no primeiro semestre", disse Fontes. O diretor ainda comentou sobre a demora no lançamento no filme.

Acusado de improbidade administrativa pelo Tribunal de Contas da União (TCU) em novembro do ano passado, quando foi condenado a devolver R$ 71 milhões, Fontes afirma que já prestou contas ao órgão. "Já prestei contas ao TCU e o produto final já foi entregue conforme manda a lei. Agora, espero e desejo realmente que as pessoas se divirtam e tenham um bom filme. Tudo vai sendo esclarecido", salientou.

"Chatô, o Rei do Brasil" é baseado no livro de Fernando Morais, que conta a história de Assis Chateubriand, fundador dos Diários Associados e um dos homens mais influentes e polêmicos do Brasil no século XX. Também foi o responsável por trazer a televisão ao Brasil, que teve sua estreia em 3 de abril de 1950, com a fundação da extinta TV Tupi.

Fonte: Na Telinha


Filha de ator da Globo estreia na Record


Filha do ator Roberto Pirillo, que recentemente esteve no ar como o advogado do Comendador José Alfredo (Alexandre Nero) em "Império", da Globo, irá fazer sua estreia nas novelas.

Renata Pirillo será uma das esposas do Faraó Seti I (Zécarlos Machado) em “Os Dez Mandamentos”, da Record. Ela está empolgada com a sua primeira personagem num folhetim. “Está sendo maravilhoso! E dou muito valor de estar aqui, pois sei o quanto é difícil entrar. Faço uma das esposas de Seti. Ela é tratada muito bem, come tudo do melhor, veste as roupas mais lindas, usa muitas joias... Naquela época, era a vida que todas queriam”, diz a atriz, que para se preparar para o papel leu sobre a história de Moisés e dos egípcios, estudou os costumes da época e as crenças e agora vai começar a ter aulas de dança do ventre.

O gosto pelas artes cênicas começou quando ainda era criança, observando o pai nos trabalhos. “Pelo fato de já engatinhar nas coxias de teatro, eu me encantei por tudo aquilo. Não digo que foi ele quem me influenciou, fomos nós”, avalia ela, que assume já ter recebido muitos conselhos de Roberto Pirillo sobre atuação, mas agora não mais. “Ele me dá muitas dicas, sim. Sempre ensaia comigo, mas, ultimamente, estou preferindo caminhar sozinha. Guardei tudo o que ele me ensinou e juntei com o meu estilo”.

No teatro, Renata já foi dirigida por Ana Rosa e dividiu o palco com o pai, no espetáculo “Allan Kardec – Um olhar para a eternidade”, que ficou em cartaz no Rio de Janeiro em 2012. Na peça, ela se revezava em três personagens.


Aos 31 anos, a carioca faz exercícios para manter a boa forma e tem os seus rituais de beleza. “Gosto de fazer de tudo um pouco para não enjoar. Faço pilates duas vezes por semana. Nos outros dias, eu alterno entre as aulas de localizada e a musculação. Já frequentei clínica de estética e fiz alguns procedimentos para gordura localizada, mas prefiro suar a camisa (risos)”, entrega ela, que costuma passar cremes de massagem à base de arnica para gorduras e tem um aparelho de drenagem linfática em casa. “Mas dá uma preguiça (risos)”, confessa.

“Gosto de fazer máscaras de argila em casa, sou adepta dos cremes de beleza, sim! Acho fundamental usar um bom sérum, um bom creme”, finaliza Renata, que estudou Estética e Cosmética, mas não se formou.

Fonte: Na Telinha


TV ainda é principal meio de conexão com as pessoas


A televisão ainda é o meio apontado como a principal fonte de conexão com as pessoas.

A premissa foi extraída do estudo Re[defined], promovido Viacom International Media Networks, com espectadores de toda a América, incluindo os brasileiros.

Dos dez mil entrevistados em países como Estados Unidos e Argentina, 63% afirmam que o conteúdo atual oferecido pela TV é o melhor de todos os tempos. Dos 750 brasileiros participantes, 66% concordam com a afirmação.

A pesquisa foi feita com pessoas com idade de 6 a 34 anos, de 14 países. Cerca de 70% dos usuários falam sobre programas de TV em suas redes sociais. No Brasil, esse número chega a 78%. No entanto, de acordo com o estudo, as conversas pessoais e presenciais são mais eficazes do que as menções geradas na web para fidelizar o espectador.

O Re[defined] aponta também que, tanto as ferramentas de vídeo on demand quanto os serviços de streaming por assinatura estão ajudando a redefinir a TV tradicional que conhecemos desde os anos 60. “O que mais importa é a disponibilidade de conteúdo de qualidade e a experiência do telespectador. É a moeda mais valiosa que temos”, afirma Raul Costa, gerente geral da Viacom no Brasil.

“As pessoas ainda se conectam com a TV para descobrir as novidades, por meio da troca de canais, seguido pelo boca a boca”, complementa o diretor. A Viacom é uma das maiores empresas de mídia do mundo e tem em seu catálogo canais como MTV, VH1 e Nickelodeon.

Fonte: Na Telinha

_____

Ficamos por aqui, de olho na telinha.

Twitter: @bysilver_br
Oferecimento:
Arte Final Gráfica (62) 3225-2847
Goiânia Hostel – Albergue – www.goianiahostel.com

-